Rua Gama Rosa    216    Centro    Vitória-ES
27 3421-2400

Mais de 7 mil trabalhadores/as protestam contra cortes na Educação e em defesa da Aposentadoria

Seta
15/05/2019
Por Comunicação Sindiupes

O Tsunami da Educação tomou conta das ruas em Vitória/ES, nesta quarta-feira (15), em um Ato Unificado com a participação de mais de 7 mil trabalhadores/as em educação, com o apoio de estudantes, pais e mães de alunos e profissionais de diversas categorias.

Como parte das atividades de Mobilização Nacional da Greve da Educação, convocada pela CNTE, o SINDIUPES  realizou no início da manhã a Assembleia da Rede Estadual no Ginásio do Álvares Cabral, em Vitória.

A Assembleia deliberou pela adesão à Greve Geral no dia 14 de junho, convocada pelas centrais sindicais. Clique aqui

Mobilização
Professores/as, funcionários/as e aposentadas/os de todas as regiões do Estado atenderam à convocação do Sindicato e várias redes paralisaram suas atividades em protesto aos cortes na Educação e contra a Reforma da Previdência.

Após participarem da Assembleia da Rede Estadual, no Ginásio Álvares Cabral, os trabalhadores/as se uniram aos profissionais das redes municipais e outras categorias na concentração do Ato Unificado, na Praça do Papa, organizado pelo SINDIUPES com o apoio de diversas entidades.

Da Praça do Papa, os participantes saíram em passeata com faixas, bandeiras e cartazes, acompanhados por um carro de som ocupado por diversas lideranças sindicais e sociais, e realizaram o Ato em frente à Assembleia Legislativa, fechando as duas pistas da avenida Américo Buaiz, Enseada do Suá.

A luta pela educação é de todos
A comunidade escolar mostrou-se unida nessa grande mobilização nacional contra os cortes de verbas na Educação Básica e no Ensino Superior.

Além de professores e funcionários de escola, participaram do Ato Unificado pais e mães de alunos, estudantes e lideranças de grêmios que estiveram juntos nessa data histórica para o Brasil, na defesa da Educação Pública e pelo direito à aposentadoria.

Unidade
Este 15 de maio foi marcado pela unidade da classe trabalhadora em prol da Educação Pública e contra o desmonte da Aposentadoria.

O Ato Unificado, em Vitória, reuniu professores da Educação Infantil ao Ensino Superior, públicos e privados, pedagogos, bibliotecários, merendeiras, cuidadores, auxiliares de secretaria, petroleiros, rodoviários, metalúrgicos, entre outros.

Em uma só voz, eles exigiram Respeito, Valorização e Investimentos na Educação Pública.

Apoio
Em Vitória/ES, o Ato Unificado em defesa da Educação Pública e contra a Reforma da Previdência teve o apoio de diversas entidades de entidades sindicais e movimentos sociais.

Representantes da CUT, Contee, Sinpro, CTB, Sindipetro, UBES e UNE estiveram presentes no Ato Unificado, juntamente, com dirigentes da CNTE e do SINDIUPES, fortalecendo esse importante movimento de resistência e denunciando os desmandos do governo Bolsonaro e seus aliados.

No Espírito Santo, os/as trabalhadores/as deram um exemplo de luta pela Educação Pública e pelo direito à Aposentadoria, e contra os ataques dos governos aos educadores e demais categorias.

A ampla participação no Ato Unificado, em Vitória, demonstra que classe trabalhadora está forte e unida contra a retirada de direitos, o fim de políticas públicas e o corte de investimentos na Educação e demais áreas sociais.

E é assim com mobilização e muita luta que seguiremos rumo à Greve Geral convocada pelas centrais sindicais para o dia 14 de junho.

 

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar
Categoria(s): Geral

Ultimas Notícias

Avisos

Sindiupes

Sindiupes