Rua Gama Rosa    216    Centro    Vitória-ES
27 3421-2400

SINDIUPES mobiliza categoria em defesa da aposentadoria e contra destruição da Previdência Pública

Seta
01/04/2019
Por Comunicação Sindiupes

Informação, conscientização e resistência. É dessa forma que o SINDIUPES vem se articulando para mobilizar os/as trabalhadores/as em educação no Espírito Santo contra a proposta de reforma da Previdência – PEC 06/2019 – do governo Bolsonaro.

Em conjunto com demais entidades sociais e sindicais, o SINDIUPES, por meio de diversas ações, está construindo um grande movimento que culminará no Dia de Mobilização Nacional contra a Reforma da Previdência, Rumo a Greve Geral, que acontecerá neste mês de abril,

Preocupada com a atual conjuntura e consciente dos grandes prejuízos dessa reforma para a classe trabalhadora, a Diretoria Colegiada do Sindicato tem organizado na Grande Vitória e no interior do Estado várias atividades de formação como palestras, debates e rodas de conversas, além da participação em atos públicos.

Mobilização
No dia 20/03, no município de Cariacica, os/as profissionais da educação tiveram a oportunidade de participar do Seminário sobre a Reforma da Previdência, conduzido pelas diretoras Salomé de Sá e Noêmia Simonassi.

Além de dialogar e esclarecer dúvidas, os participantes também recebem materiais informativos – panfletos, folderes e boletins – sobre essa temática produzidos pelo Sindicato.

Em Conceição da Barra, no norte do Estado, os diretores/as Ildebrando Paranhos e Sueli Guimarães coordenaram a uma Roda de Conversa com professores/as e funcionários de escola.

Todas essas atividades tem como objetivos estimular o debate e esclarecer a categoria sobre as consequências dessa reforma para a sociedade brasileira, para a Educação Pública e principalmente para professores/as e funcionários/as de escola.

Resistência
Como parte das ações de resistência, no dia 22/03, diretores/as do SINDIUPES se uniram a trabalhadores/as e outras lideranças sindicais e sociais capixabas no Ato Público em protesto à proposta de Bolsonaro e contra a destruição da Previdência Pública. O Ato reuniu milhares de pessoas com passeata pelas ruas de Vitória e manifestação em frente ao Palácio Anchieta.

O SINDIUPES seguirá firme na defesa intransigente dos direitos dos/as trabalhadores em educação e da Educação Pública, denunciando essa proposta de reforma que não acaba com os privilégios, mas, sim, ataca a classe trabalhadora e condenará milhões de brasileiros à pobreza.

É importante ressaltar que, caso a reforma seja aprovada, os/as trabalhadores/as em educação serão duramente afetados com cortes de direitos como o fim da aposentadoria especial, redução dos benefícios e aumento do tempo de contribuição, dificultando cada vez mais a aposentadoria dos/as trabalhadores/as.

Nessa perspectiva de ampliar as lutas, a CNTE e suas entidades afiliadas – entre elas o SINDIUPES – aprovaram um calendário de mobilizações contra a reforma da Previdência, com atividades durante todo o mês de abril.

Confira, abaixo, os próximos eventos, já confirmados, a serem realizados pelo SINDIUPES:

 Linhares


São Mateus

 


Jaguaré


Nova Venécia

Colatina

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

Ultimas Notícias

Avisos

Sindiupes

Sindiupes